Vem mover+ Regista-te!

saber+

partilhar
Saúde

Distorção da imagem corporal

Por Joana Pinheiro - Nutricionista, publicado em 3 Outubro, 2012
POPULARIDADE

Os homens e as mulheres vêm-se ao espelho de forma diferente.
A forte pressão dos media actualmente, bem como o padrão de beleza existente e a moda levam a uma certa tendência de condicionamento e distorção da imagem corporal que as mulheres têm de si mesma. Nos homens, parece que estes estereótipos não causam grande turbulência, no entanto verifica-se também a possibilidade de existência de uma distorção da imagem corporal.
Segundo um estudo orientado pela psicóloga social Sandra Wheatley, que teve por base uma amostra de milhares de pessoas, concluiu-se que entre as mulheres com um peso ideal para a sua altura, apenas 13% disseram sentir-se felizes quando se viam ao espelho e apenas 6% pensavam ser magras. Estes dados revelam a clara distorção que várias as mulheres têm da sua imagem corporal, bem como da intima associação entre o peso e a auto-confiança/aprovação pelos outros.
Já nos homens, verificou-se que as motivações para uma perda de peso baseavam-se em preocupações com a saúde, bem como com o objectivo de ficarem mais activos.
Há que salientar que em ambas as situações, a distorção da imagem corporal pode ser prejudicial. Nas mulheres poderá originar perturbações alimentares (ex.: anorexia), enquanto que os homens acima do peso ideal e que se considerem magros, podem não perceber a necessidade de emagrecer por motivos de saúde, ou pior, ao avaliarem-se como demasiado magros, podem recorrer à toma de esteróides anabolizantes, com o intuito de obterem uma imagem corporal de um "homem forte".
Independentemente do sexo e das motivações de cada um, há que procurar obter um peso saudável para a sua constituição, segundo as classificações da Organização Mundial de Saúde, que nem sempre são correspondentes com a imagem corporal que se tem, quando se vê ao espelho. Nas situações em que existe deturpação da imagem corporal, aconselha-se obter aconselhamento médico específico ou consultar um psicólogo.


Joana Pinheiro - Nutricionista

Licenciada em Ciências da Nutrição (FCNAUP), possui várias especializações na área de Nutrição e Saúde. Gere o blog Nutri Super Health.


nutrisuperhealth@gmail.com

ver mais


VOTA

Deves fazer o login para comentar.
COMENTÁRIOS (0)
PUB

SABER+Saúde

A prática regular de uma alimentação saudável fará com que percas a barriga indesejável.

outros artigos

especialistas

Desafio saudável

3567 participantes

0 Kg perdidos

0 cm perdidos

12 291 Km percorridos

uma iniciativa
parceiros
O Mover+ não substitui o acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos e profissionais de educação física.
0.0245